Cientistas da UC descobrem que o consumo continuado de mirtilo tem um forte impacto no fígado

Uma equipa multidisciplinar de cientistas da Universidade de Coimbra (UC), que trabalham num projeto de investigação que conta com a colaboração da COAPE, descobriu que o consumo continuado de mirtilo em doses diárias de cerca de 240 gramas tem um forte impacto hepático, fornecendo pistas importantes para orientar um consumo saudável e seguro destas bagas muito ricas em antioxidantes.

A descoberta, já publicada na revista Pharmaceutics, aconteceu no decorrer de um estudo que pretende avaliar os possíveis efeitos benéficos do sumo de mirtilo no contexto da pré-diabetes, em modelo animal.

Leia todo o artigo e conheça mais este benefício do mirtilo aqui.

Outras notícias

Adiamento da Assembleia Geral

Adiamento da Assembleia Geral

Caros e Caras Associados e Associadas, Nas actuais circunstâncias determinadas pela pandemia Covid-19, a realização da...

COAPE

Rua dos Combatentes 12 a 18 apt. 75 3534-909 Mangualde
(+351) 622 245
geral@coape.pt